Notícias de Mercado

Market Days Supply: A relação entre a oferta do mercado e as suas compras

06/08/2018

O acompanhamento do desempenho é uma maneira vital para que as organizações assegurem que os seus negócios estão movendo-se no sentido correto. Para medir e melhorar a performance, a liderança precisa rastrear os indicadores de desempenho chave corretos (KPIs).

No entanto, identificar os KPIs certos para sua revenda de veículos não é tão simples. Quando se trata de definir e acompanhar os seus números em operações de veículos usados, muitos empresários estão plenamente conscientes dos indicadores usuais: lucro bruto por unidade, dias de estoque médio, unidades vendidas por equipe por mês, relação de novo/usado, etc.

Um dos indicadores que deve ser utilizado no negócio de carros usados é o Market Days Supply (MDS), que ilustra a força da relação entre a oferta e da procura com base no número de veículos vendidos vs veículos similares para venda. O Market Days Supply  é uma métrica que mede as características de oferta e demanda de cada veículo ou de um estoque de veículos em um mercado específico. Ele rastreia em um número quantos dos mesmos veículos ou similares estão disponíveis e quantos foram vendidos em um mercado. Na verdade, é uma proporção que mostra a força da relação entre oferta e procura. 

Diferente desta métrica, os dias de estoque médios são um KPI histórico e não leva em conta a oferta atual de veículos, identificada por mudanças reais de mercado, na oferta e na demanda. Ao contrário, a dinâmica de mudança rápida do mercado é contemplada pelo indicador MDS . 

Como esse KPI é calculado

Este KPI é calculado dividindo-se o número total de veículos atualmente disponíveis no seu ano de fabricação/modelo, marca, nível de acabamento, opcionais, etc. pelo número médio de vendas de varejo por dia sobre os últimos 45 dias. Por exemplo, se há 200 carros idênticos ou similares com o mesmos equipamentos para venda no mercado e nos últimos 45 dias quatro (4) carros foram vendidos em média por dia (varejo) no mercado, em seguida, 200 será dividido por 4 para gerar uma oferta de mercado em 50 dias para esse carro específico . Então isso significa que não sobram veículos depois de 50 dias. Em outro exemplo, existem 300 veículos similares disponíveis e 2 (dois) veículos foram vendidos em média por dia, então, o MDS é calculado em 150.

Como usar o MDS para conduzir o seu negócio 

Market Days Supply é uma métrica que ajuda os fabricantes, concessionários e revendedores para gerenciar a volatilidade impulsionada pela oferta. Um MDS alto significa que há um número maior de unidades concorrentes disponíveis no mercado do que um veículo com um MDS baixo. Assim um número mais baixo dos dias do indicador indica que a demanda é mais forte do que o abastecimento desse veículo conseqüentemente pode se esperar que o veículo será vendido rapidamente. Um MDS mais elevado significa por outro lado uma oferta mais elevada do que a demanda para este veículo. 

Existem duas razões para ter estoques com números MDS baixos 

1. Distribuição de volume: há menos destes veículos disponíveis no mercado. Ao acompanhar este indicador o fabricante e os concessionários podem compreender em que região eles precisam colocar os veículos certos no mercado, a fim de evitar a adição de volumes mais elevados em um mercado já saturado. 

2. Pricing: há menos competição do preço para estes veículos. O monitoramento contínuo do MDS ajudará a aplicar as mudanças de preço de acordo com as mudanças e dinâmica de mercado. 

Qual é o benchmark para este KPI 

Uma média de MDS de 60 até 70 dias para o estoque total utilizado foi comprovada como a referência para este KPI. Concessionários que são capazes de ter esta média terão menos tendência em adquirir e precificar veículos como se fossem um best seller. Também concessionárias que monitoram o MDS podem identificar quando essa métrica aumenta devido a uma maior disponibilidade de veículos iguais ou similares no mercado.

_______________________________________________________________

Esse artigo foi livremente traduzido e adaptado de um artigo de Jörg Höhner. Para ler o original, clique aqui.

Se você gostou desse artigo, por favor, compartilhe. Se quiser falar diretamente comigo, me mande um email - caporal@autoavaliar.com.br .

Livre tradução por:

J.R. Caporal 

CEO at MegaDealer Network Development